Powered by Rock Convert

Quem se amarra em aventura e adrenalina sabe que andar de skate traz isso e muito mais. Porém, muitos iniciantes ficam perdidos na hora de escolher os seus equipamentos. Para encontrar a melhor opção, é preciso antes conhecer os tipos de skates disponíveis e para quais modalidades eles são mais indicados.

Neste post, falaremos sobre 4 tipos de skates e daremos algumas dicas para você, seja novato ou veterano, que quer experimentar novos ares, para que possa escolher o mais adequado ao seu caso.

Continue com a leitura e se prepare para o melhor rolê!

QUAIS SÃO OS TIPOS DE SKATE?

Qual deles é melhor para andar na rua? E para uma descida? Por que um modelo é mais largo na frente que as outras opções? Tire essas e outras dúvidas a seguir!

1. TRADICIONAL

Chamado de street, esse é o modelo mais conhecido de skate. Ele tem o shape — também conhecido como prancha — mais fino, um truck mais baixo e rodas menores. Ele é usado em diversas modalidades, principalmente em manobras na rua.

Por isso, o nome street, do inglês, “rua”. Ele, inclusive, é apropriado para usar em corrimões, bancos de praça e demais obstáculos presentes nas vias.


Tipos de Skate: Skate Street

2. LONGBOARD

Abreviado para long, esse modelo é muito utilizado em ladeiras e descidas. Isso porque ele é mais veloz e apresenta maior estabilidade quando comparado aos outros tipos de skate.

Essas características são decorrentes da sua estrutura mais rígida e rodas mais macias e maiores — com mais de 70 mm —, que garantem uma boa aderência ao solo.

Algumas subcategorias do long são:

  • carving: usado para fazer curvas e zigue-zagues simulando manobras de surf, em uma descida suave;
  • freeride: para descidas com alternância entre velocidade e controle de derrapagem para virar (slides);
  • downhill: utilizados em montanhas de descidas fechadas em velocidade máxima.

O long é o modelo ideal para descidas em alta velocidade, nas quais é possível fazer uma técnica  chamada de slide, em que o skatista derrapa com o skate colocando as mãos protegidas por luvas ou com os pés no chão.

Aliás, para quem pratica esse esporte, fazer uma boa escolha do tênis para andar de skate é fundamental. Isso porque, com o contato direto ao chão, o tênis sofre desgastes mais rapidamente.

Tipos de Skate: Skate Longboard

3. WAVEBOARD

Esse modelo é o mais diferente de todos, sendo considerado por muitos como o mais difícil de andar. Além do formato — mais fino no meio e largo nas pontas, como um oito ou uma ampulheta —, o waveboard tem apenas duas rodas!


Tipos de Skate: Skate Waveboard

Para andar em um skate desses, não é preciso tirar nenhum dos pés do shape, mas apenas movimentá-los em direções opostas. Assim, as rodas impulsionam o skatista para frente. Esse é para quem deseja uma experiência realmente diferente dos demais!


Ofertas de Skates na Hawaii Virtual

4. CRUISER

modelo cruiser está disponível em dois tipos diferentes: o cruiser normal e o mini cruiser. Esses modelos são muito semelhantes ao long, só que em versões reduzidas. O mini, então, é ainda menor.

O cruiser pode ter um comprimento entre 55 e 75 cm, o que varia de acordo com o tipo de prática. As rodas são largas e flexíveis, o que facilita o deslize urbano e em superfícies irregulares, fornecendo conforto por amenizar vibrações.

Muitas pessoas confundem o mini cruiser com um brinquedo, pois a maioria dos modelos é de plástico e colorido. Isso não passa de uma ilusão, já que se trata de um skate como qualquer outro.


Tipos de Skate: Skate Cruiser

Na hora de comprar um, principalmente os de plástico, é importante que você avalie a qualidade do material de que o skate é feito, pois isso varia bastante.

Num extremo, é tão resistente quanto um de madeira e aguenta uma pessoa de 90 quilos pulando sem quebrar. Caso o material não seja de qualidade, o skate pode partir ao meio assim que você der a primeira remada!

COMO ESCOLHER O MELHOR?

Você deve escolher um skate de acordo com a modalidade a ser praticada. Por exemplo, se deseja fazer manobras na rua, o street é o ideal. Já para descida em alta velocidade, o long deve ser sua primeira opção.

Além disso, alguns equipamentos do skate também podem fazer a diferença.

TIPOS DE RODAS

Rodinhas maiores, mais macias e com extremidades retas são a escolha certa para práticas que pedem por maior velocidade.

Já as versões menores, mais duras e arredondadas são indicadas para skates que são usados nas ruas, pistas e calçadas.

As rodas que são um meio-termo são ideais para aqueles que praticam mais de um estilo.


Rodas de Skate

Rodas de tamanho entre 49 e 55mm são usadas no street. Já as rodas de long costumam variar entre 65 e 83 mm. Quanto à dureza, menores que 80 A são mais macias e, acima de 90 A, mais duras.

ROLAMENTOS

A maioria dos rolamentos são classificados em números ímpares, que vão de 1 a 9, chamados de ABEC. Quanto maior for esse número, mais velocidade e precisão podem ser atingidas com o rolamento.

Assim, se você vai praticar uma modalidade mais veloz, o rolamento deve apresentar um ABEC mais alto. Mas, caso não tenha muita experiência em cima do skate, um ABEC muito rápido pode render bons tombos. Por isso, é importante buscar o equilíbrio.

Uma boa sugestão é ficar entre o 5 ou 7. Assim você vai conseguir desenvolver velocidade tanto nas ladeiras quanto na rua. À medida que for evoluindo, você pode mudar para um rolamento mais rápido.


TAMANHO DO TRUCK


Truck de Skate

O truck é a estrutura que liga as rodinhas à base do skate. Quanto maior o seu tamanho, mais estabilidade e velocidade são adquiridas. Quanto menor, o skate torna-se mais maleável para fazer manobras livres da modalidade street.

AMORTECEDORES

Amortecedores mais “moles” são adequados para manobras de street, com movimentos mais fechados. Os duplos ou com molas são ainda mais maleáveis e são variantes utilizados em long. Já os amortecedores mais firmes conferem maior estabilidade e são indicados para descer ladeiras e fazer slide.


Amortecedores de Skate

E aí, gostou de aprender um pouco mais sobre os principais tipos de skates e como escolher o melhor? Agora, é só montar o seu e partiu praticar! Só não se esqueça que quando o assunto é esportes radicais, mesmo que você só ande em linha reta, é indispensável utilizar os devidos equipamentos de proteção. A sua segurança deve estar sempre em primeiro lugar!

Quer descobrir quais são os equipamentos de segurança essenciais para andar de skate?  Leia nosso artigo sobre o tema e informe-se. Até a próxima!

NÃO PERCA NENHUMA NOVIDADE DO BLOG!

Assine o melhor conteúdo sobre moda e cultura Surf & Skate
e Ganhe 5%OFF para usar em nossa Loja Virtual!

Powered by Rock Convert