Powered by Rock Convert

Sempre sonhou em patinar com a habilidade de um profissional, mas acha que a prática do esporte é complexa demais? Aliás, é o medo de não saber como andar de patins in line — aqueles em que as rodinhas são posicionadas em uma linha no centro do pé — que assusta você? Temos uma boa notícia para dar: patinar é muito mais fácil do que você imagina.

Neste post, vamos tirar todas as suas dúvidas sobre essa prática. Você vai conhecer um pouco mais sobre os patins in line, as principais modalidades desse equipamento, entre outras informações. No fim, confira 3 dicas valiosas para iniciantes colocarem em prática. Continue a leitura!

Conheça os patins in line

Com três ou quatro rodas dispostas em linha reta, os patins in line são muito recomendados para superfícies lisas, como asfalto e pistas de patinação. Eles são bem confortáveis e leves, no entanto, o praticante precisa fazer certo esforço e ter uma boa capacidade motora para conseguir se equilibrar.

Os patins in line podem ser usados pelos iniciantes sem medo, basta um pouco de treinamento. Com o passar do tempo, você vai conseguir fazer boas manobras com eles, visto que são rápidos e muito flexíveis.

Patins Inline

Veja os principais modelos de patins

Para ter o melhor desempenho, é essencial escolher o modelo para o objetivo certo e o que mais se adapte às suas expectativas. Veja!

Fitness

Ideal para principiantes, os patins fitness estão entre os modelos mais simples e fáceis de se adaptar, podendo ser usado em pistas, quadras e ruas, por exemplo.

Freestyle

Ao contrário do anterior, o Freestyle é o tipo de patins perfeito para quem gosta de aventura e tem alguma experiência com patinação, já que ele permite manobras radicais.

Street

Esse é o modelo mais agressivo do mercado, já que permite manobras extremamente radicais, como os saltos altos. Seu diferencial são os potentes amortecedores que protegem o atleta dos impactos.

Slalom

O slalom é perfeito para os amantes de patinação urbana, com uma pegada acrobática.

Speed/Downhill

Se além de patinar você também gosta de corrida, o Speed é o seu modelo. Ele confere alta velocidade, sendo também usado por muitos atletas profissionais. Entretanto, se você quer ainda mais adrenalina, aposte nos modelos Downhill, que são mais velozes que os Speed.

Considere outra opção

Caso você não tenha segurança ou não consegue aprender como andar de patins in line, o recomendado é optar pelo quad. Esse modelo com rodinhas paralelas — duas na frente e duas atrás — apresenta um estilo vintage, cheio de charme e são mais fáceis de se equilibrar. Inclusive, eles são os mais recomendados para crianças.

Por fornecer maior estabilidade, o quad é o modelo escolhido em algumas competições que exigem um equilíbrio extra do patinador. Como desvantagem, eles não são tão velozes e ágeis como o in line, o que impede que você inicie as manobras no futuro.

Veja como andar sozinho de patins

Se você não quer gastar com aulas de patins, pode ficar contente: é possível aprender a andar sozinho. Contudo, é preciso de muita paciência e dedicação, porque a habilidade para fazer manobras e pegar velocidade não surge de um dia para o outro.

Uma ótima dica é reunir um grupo de amigos que têm interesse na patinação para começarem juntos. Assim, vocês podem trocar dicas e o processo vai se tornar muito mais divertido.

Saiba evitar o medo de cair

Esse é um problema muito comum e que atrapalha muito os iniciantes. Cair é algo completamente normal na prática de patinação e o medo pode ser pior que a própria queda. Por isso, exercite a sua mente para driblar esse sentimento, pois é caindo que se aprende!

Aliás, é muito importante que você saiba exatamente como cair: dobre os joelhos e tente jogar o corpo para as laterais. Se possível, contenha a queda com as mãos.

Outro detalhe envolve o uso dos freios, os quais podem barrar uma queda. Geralmente, eles estão presentes na parte de trás e, para frear, basta colocar o pé para frente, levantando a ponteira, e pressionar o chão com o freio.

Confira 3 dicas para começar a andar de patins

Veja como você pode melhorar o processo de aprendizado e começar a andar mais rapidamente. 

1. Cuide da sua segurança

Começamos com essa dica porque ela sempre vai ser a mais importante. Não adianta nada investir em equipamentos de qualidade, como os que mostramos, se você não cuidar da própria segurança, certo? O ideal é iniciar os treinos em uma quadra ou pista adaptada ao esporte, que seja bem cuidada e segura.

Capacetes de Patins

Se você não puder contar com essa comodidade agora, não desista da patinação. Apenas procure um local que atenda às necessidades básicas do esporte, como pavimentação bem conservada (entenda por não ter buracos, pedras ou outros problemas que podem gerar um acidente). Se for em ruas, observe bem o fluxo de pessoas e evite os espaços com circulação de veículos.

Além disso, outro investimento importante é com os equipamentos de segurança, que incluem capacete, joelheira, cotoveleira e munhequeiras. Assim, caso sofra uma queda, os machucados serão menores e os riscos de ter uma lesão mais séria também.

2. Fique de olho na saúde

Por mais divertida que a patinação possa parecer, não se esqueça de que ela é um esporte e, assim como os outros, exige cuidados com a manutenção da sua saúde.

Por isso, antes de começar a andar de patins, faça uma avaliação médica. Com ela, você vai ficar tranquilo para treinar sem comprometer seus ossos e tendões, além de garantir que não sobrecarregará órgãos vitais, como seus pulmões ou coração, com o ritmo acelerado dos exercícios.

Outra dica importante é cuidar da alimentação e da hidratação antes, durante e depois da patinação. Por isso, antes de começar a patinar, você deve adotar uma dieta balanceada, com frutas, verduras, legumes, carnes magras e cereais. Além de beber, no mínimo, 2 litros de água todos os dias. Ah, não se esqueça de se alongar antes de iniciar as atividades!

3. Treine bastante e garanta o equilíbrio

Para finalizar, agora que você já sabe como patinar em segurança e sem sobrecarregar seu organismo, não podemos deixar de falar sobre a dica de ouro para quem quer dar o primeiro passo: os treinos. Aqui, não estamos falamos sobre a intensidade deles, mas sim, sobre a periodicidade.

Quem quer começar a andar de patins deve enxergar essa atividade como um desafio, já que demanda foco e persistência para ser concluído. Por isso, crie um cronograma que caiba bem na sua rotina e se dedique a ele como se fosse um trabalho ou atividade da faculdade, por exemplo.

Equilíbrio Patins

Dessa forma, você vai aperfeiçoar todas as técnicas da patinação, em especial o desenvolvimento de equilíbrio, fundamental para o seu sucesso enquanto estiver em cima dos patins.

Agora, que você recebeu nossas dicas de como andar de patins in line, é só começar! Com o modelo certo, medidas de segurança, um organismo saudável, preparado para a prática e, claro, muito treinamento, você vai se tornar um patinador de respeito!

Gostou do nosso artigo? Aproveite que já está por aqui e leia um pouco mais sobre como escolher os patins perfeitos — isso faz uma diferença e tanto na hora de começar! Até mais!

Powered by Rock Convert