O Brasil é um país que possui uma enorme tradição nas competições de skate. Desde que os campeonatos começaram a serem organizados, sempre tivemos representantes lutando pelos lugares mais altos do pódio nas mais diversas categorias.

Alguns deles se tornaram ídolos para quem os acompanhou e uma referência para a garotada que vem surgindo. Conheça agora cinco skatistas brasileiros que fizeram história no país!

Os maiores skatistas brasileiros

Sérgio Negão

sergio-negao

Sérgio Fortunato de Paula, mais conhecido como Sérgio Negão é o que consideramos uma lenda viva do skate. Foi um dos primeiros nomes brasileiros a competirem no exterior. Prova disso é o terceiro lugar conquistado em 1979, durante o 1º Campeonato de Prancha, disputado em Suzano, cidade de São Paulo.

Sérgio se notabilizou na modalidade vertical, onde os torneios são disputados em rampas, sendo um dos responsáveis por popularizá-la no país. Aos 51 anos, e ainda andando de skate, foi coroado com uma homenagem na calçada da fama da ESPN.

Principais conquistas

  • Troféu de Melhor skatista da década de 80

  • Campeão do Circuito Plâncton de Skate (1987)

  • Campeão do Skate National Open (1988)

  • Campeão da União Brasileira de Skate (1988)

  • Vice-campeão do Campeonato de Bowl na Alemanha (1996)

Bob Burnquist

bob-bornquist

Robert Dean Burnquist é um carioca radicado em São Paulo, filho de mãe brasileira e pai americano.

Começou a competir aos 13 anos e, desde então, se tornou um dos maiores skatistas da história por conta não só dos títulos conquistados nos melhores campeonatos de skate do mundo, mas também pelas manobras inéditas e por buscar sempre a profissionalização do esporte, principalmente na modalidade Vert, onde organiza os campeonatos de Mega-Rampa.

Principais conquistas

  • Primeiro brasileiro Campeão Mundial (1995) na modalidade Vert. Ganhou outras duas vezes, em 2000 e 2001

  • Medalha de Ouro nos X-Games 2001, 2003, 2005, 2007, 2008, 2010, 2011 e 2012

  • Sete vezes eleito como melhor skatista do ano

  • Primeiro Skatista vencedor do prêmio Laureus, o Oscar do esporte

Sandro Dias – Mineirinho

sandro-dias

Mineirinho é natural de Santo André e, assim como Bob, começou a andar cedo de skate. Aos 10 anos já pegava o skate do irmão mais velho emprestado. Aos 20 participou de seu primeiro campeonato oficial. Seu talento para andar de skate era tanto que, com 13 anos de idade foi campeão brasileiro de street iniciante. Aos 14 fez sua primeira viagem internacional para conhecer outras pistas e participar de outros torneios.

Disputando sua primeira competição como profissional na Alemanha, em 1989, ficou na 31º posição. Se afastou durante um tempo do esporte e voltou a andar apenas em 1995. Seu início profissional aconteceu fora do país. Europa e Estados Unidos eram seus locais de prova favoritos. Chegou ao seu ápice em 2003, quando ganhou o título mundial.

Principais conquistas

  • Campeão Mundial (2003)

  • Bi-campeão dos X-Games (2006, 2007)

  • Primeiro lugar no Latin X-Games (2003)

  • Primeiro lugar no Slam City Jam – Vancouver (2003)

Pedro Barros

pedro-barros

Pedro Barros é um dos nomes mais promissores da nova geração de skatistas, e é considerado por muitos especialistas como o sucessor de Bob Burnquist e Mineirinho. Pedro compete na modalidade bowl, onde as pistas têm formatos parecidos com piscinas. Com apenas 21 anos de idade, a versatilidade de competir em diversas categorias em alto nível impressiona outros competidores.

Principais conquistas

  • Hexacampeão dos X-Games na categoria Skate Parque (2010, 2012, 2013, 2013, 2014 e 2016)

  • Pentacampeão mundial na categoria bowl

  • Único skatista a conquistar um mundial de maneira invicta

Letícia Buffoni

leticia-buffoni

A paulistana começou a andar de skate cedo, aos nove anos de idade. Sofreu com a falta de apoio do pai no início, vencida após a primeira ida dele a um torneio. Porém, fez a sua carreira apenas quando se mudou para a Califórnia para cursar o ensino médio. Nos Estados Unidos deslanchou como skatista na categoria street e costuma competir na categoria masculina.

Principais conquistas

  • Tricampeã dos X-Games em 2013 na categoria Skateboard Street

  • Quatro vezes consecutivas campeã do WCS (Copa do Mundo de Skate)

  • Líder do ranking mundial feminino em 2007

  • Campeã do LKXA Extreme, um dos torneios mais importantes da Europa

Gostou do post? Fique por dentro da história do skate e outros assuntos relacionados, acompanhando a gente no Facebook e no Instagram!

NÃO PERCA NENHUMA NOVIDADE DO BLOG!

Assine o melhor conteúdo sobre moda e cultura Surf & Skate
e Ganhe 5%OFF para usar em nossa Loja Virtual!